Quarta, 15 Abril 2020 13:10

Não parem as máquinas: a hora de lançar é agora!

Camila Arias - Gerente de Marketing Digital da Live Talentos Camila Arias - Gerente de Marketing Digital da Live Talentos

Você já parou para analisar o consumo do seu público nas últimas semanas? Notou um crescimento nos ouvintes mensais, seguidores ou streams? Algo incomum na performance de uma música específica? Entrou em alguma playlist neste período de quarentena?

O isolamento social causado pelo COVID-19 já está mudando toda a nossa sociedade e até mesmo a relação das pessoas com atividades cotidianas que sequer estavam em pauta de ressignificação. São novos hábitos, formas de comunicação, valores pessoais e em relação à vida, à sociedade, às atividades sociais, profissionais e empresariais e uma nova maneira de consumo.

Este momento exige, mais do que nunca, uma visão anaílitica e crítica dos inúmeros dados e métricas que temos a nosso favor. Aconselho ficar de olho semanalmente se não diariamente em ferramentas, como: Spotify for Artists, Youtube Analytics, Deezer For Backstage, Amazon For Artists, Apple Music For Artists e todos os analytics das suas redes sociais. Um eterno caso de amor também pelo Chartmetric, diga-se de passagem.

Como um novo meio de negócio criado nas últimas semanas, as Lives de shows no Youtube substituem o palco pela frente da tela do celular ou computador. Bom, e se através das Lives, conseguimos atingir pessoas que, antes, não iriam a esses shows (por razões financeiras, geográficas ou até mesmo lotação das casas de shows), isso pode mostrar um aumento significativo nas buscas e no consumo do seu trabalho, concorda? Mesmo que você não tenha cedido a essa nova forma ainda, é visível que está sendo criada uma nova forma de consumir, seja no offline ou no online.

Então, mesmo que os números de streaming possam mostrar uma queda no setor, como veremos em breve, isso não é hora de desanimar, pelo contrário, aposte, mais do que nunca, em lançamentos de músicas e em estratégias digitais.

Então os streams caíram?

Segundo uma análise global da Alpha Data, houve uma redução de 11% no consumo de streaming de áudio. O que pode ser justificado pela alteração da rotinas das pessoas, como: tempo de deslocamento para o trabalho, menos exercícios físicos, mais pessoas ouvindo música juntas e no mesmo cômodo, ou até mesmo crianças em casa, que mudam drasticamente os hábitos dos pais e família.

Mas, calma lá!

Ainda segundo o Alpha Data, houve um aumento no número de canções e playlists infantis, assim como musicas classicas, relaxantes e acústicas, com menos energia do que as preferidas em outros períodos do ano, como a latina, o rap e o pop (que caíram 16%, 15% e 13%). Ou seja, o consumo, na verdade, está mudando conforme os novos hábitos.

Olha só que interessante!

Diante dessas informações, por que não pensar em lançar uma música para o público infantil? Ou uma versão acústica de um dos seus hits? Uma canção que consiga transmitir o que você está passando e sentindo em tempos como estes. Lembre-se: todos nós estamos passando por isso, logo, é um assunto que interessa!

Outro ponto importante a ser levantado, é que segundo as plataformas - Apple, Spotify, Deezer, o número de assinantes pagos não está caindo, pelo contrário, segue aumentando. Isso reflete que o usuário está sim interessado e disposto a pagar pelos serviços de streaming e continua consumindo música no seu dia a dia.

Keep walk...releasing!

Lance música, a hora é agora! Muitas gravadoras e artistas vendo esse decréscimo nos streams, puxaram o freio dos lançamentos. Além de menor concorrência, o consumidor está mais aberto a novidades, a experimentação. Produza, lance, teste (!!!).

Crie playlists de “moods”, baseando-se no que está em alta: Otimismo, Chill, Relaxe, Foco, Concentração, Musicas para o Home Office, Malhando em casa, Cozinhando em casa e tantas outras atividades. Pergunte também ao seu público através das redes sociais o que ele está fazendo, como ele está ouvindo e pra quê.

As pessoas amam interagir e compartilhar o seu lado da vida. Agora, mais do que nunca, OUÇA seu público afinal, você não quer que ele te ouça cada vez mais?

Finalizo minha coluna com uma frase para sua reflexão, retirada do incrível e essencial livro “Artist Management & Marketing - A Beginners Guide”, da ex-manager do Swedish House Mafia, Amy Thomson (free download disponível no período de quarentena: https://myobschool.com/):

“Aprendi que as pessoas esquecem o que você diz, esquecem o que você faz, mas não esquecem como você faz com que elas se sintam.” - Maya Angelou

_____________

 

Camila Arias é Gerente de Marketing Digital da Live Talentos, empresa de gestão de carreiras artísticas, contando no casting com artistas como Chitãozinho & Xororó, Zezé Di Camargo & Luciano, Edson & Hudson, Make U Sweat e outros artistas relevantes da cena sertaneja, eletrônica e samba, além da gravadora de música eletrônica Alphabeat Records.

Instagram: @camilaariasmartins I https://www.instagram.com/camilaariasmartins/

Linkedin: https://www.linkedin.com/in/camilaariasmartins/

Última modificação em Quinta, 16 Abril 2020 00:19

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.