Sexta, 03 Julho 2020 16:20

Facebook expande recursos de monetização para criadores de conteúdo; saiba mais Destaque

Escrito por Redação Mundo da Música
Avalie este item
(0 votos)
Saiba detalhes sobre métodos de monetização de criadores, "Assinaturas de Fãs" e "Estrelas" promovidos pelo Facebook Saiba detalhes sobre métodos de monetização de criadores, "Assinaturas de Fãs" e "Estrelas" promovidos pelo Facebook Divulgação

O Facebook anunciou essa semana (29) que expandiu a disponibilidade de dois de seus métodos de monetização de criadores, "Assinaturas de Fãs" e "Estrelas", para mais mercados, incluindo o Brasil.

A expansão das ferramentas de monetização de criadores do Facebook segue as notícias de abril de que a plataforma começaria a permitir que os proprietários de páginas "cobrassem pelo acesso a eventos com vídeos ao vivo no Facebook - desde apresentações online a aulas e conferências profissionais".

Em primeiro lugar, de acordo com a publicação, os criadores que atendem aos critérios de elegibilidade do Facebook agora podem ganhar dinheiro com inscrições de fãs em mercados como Austrália, Brasil, Canadá, México, Tailândia, Reino Unido e Estados Unidos.

Para se qualificar, a página do Facebook de um criador de conteúdo deve ser seguida por pelo menos 10.000 pessoas ou ter mais de 250 espectadores de retorno e mais de 50.000 engajamentos pós-publicação ou 180.000 minutos de exibição nos últimos 60 dias.

Os criadores de conteúdo podem verificar se sua página está qualificada ou não no Facebook for Creators e se as páginas que ainda não usaram um dos produtos de monetização do Facebook precisam passar por um processo de revisão.

A maneira como as inscrições de fãs funcionam é que os apoiadores de um criador pagam um preço fixo todos os meses e, em troca, recebem benefícios especiais, como conteúdo exclusivo, vídeos ao vivo exclusivos ou oferecem descontos.

Os assinantes também recebem um "crachá de apoiador" que aparece ao lado do nome nos comentários que postam, mas isso pode ser removido pelo torcedor a qualquer momento.

Os criadores recebem pagamentos uma vez por mês depois de cruzarem um saldo mínimo de US$ 100 e, de acordo com o Facebook, os fundos serão pagos aproximadamente 60 dias após o final de cada mês.

Enquanto isso, o Facebook também expandiu o acesso a criadores na Austrália, Canadá, Colômbia, Índia, Indonésia, Itália, Espanha, Alemanha, França, Malásia, México, Nova Zelândia, Peru, Filipinas, Taiwan, Tailândia, Reino Unido e EUA.

"Estrelas" é o recurso de gorjeta virtual do Facebook, que os fãs podem comprar e enviar aos criadores na seção de comentários de um vídeo.

"As estrelas são uma ótima maneira de monetizar transmissões ao vivo e são recompensadas por criar uma base de fãs leais", afirma a postagem do blog do Facebook.

Foto: Demonstração da ferramenta "Estrelas" do Facebook. | Créditos: Divulgação/Facebook

Os criadores podem definir uma "meta de estrelas" que aparece como uma sobreposição permanente nos vídeos, e o Facebook também adicionou ferramentas adicionais de gerenciamento de estrelas ao Creator Studio.

"Agora, mais do que nunca, criadores, editores de vídeo e mídia estão usando o Facebook para criar uma comunidade e negócios significativos", disse o diretor de marketing de produtos do Facebook, Yoav Arnstein, e o chefe da experiência do criador e editor Jeff Birkeland.

"Estamos vendo a noção tradicional de criador evoluir à medida que comediantes, artistas, instrutores de fitness, atletas, pequenas empresas e organizações esportivas usam eventos em vídeo e online para se conectar com seu público.

"Para dar um melhor suporte aos nossos parceiros, estamos aprimorando as ferramentas que ajudam os criadores a ganhar dinheiro e gerenciar sua presença no Facebook".

 

Ferramentas de Monetização do Facebook

O Facebook também divulgou as melhores práticas sobre cada uma das ferramentas e as maneiras de gerar receita a partir do conteúdo disponibilizado.

Confira abaixo:

Expandindo o acesso a produtos de suporte para fãs: vimos um enorme interesse de pessoas que desejam apoiar seus criadores favoritos. Por isso, disponibilizamos inscrições de fãs e estrelas para mais criadores;

Assinaturas de fãs: as pessoas podem apoiar seus criadores favoritos por meio de um pagamento mensal recorrente. Qualquer página nesses mercados que atendam aos critérios de elegibilidade agora podem se inscrever aqui;

Estrelas: os fãs podem comprar e enviar estrelas aos criadores nos comentários de um vídeo. As estrelas são uma maneira de monetizar transmissões ao vivo e são recompensadas por criar uma base de fãs leais. Agora, os criadores podem definir uma meta de Estrelas que aparece como uma sobreposição permanente nos vídeos.

O Facebook facilitou o gerenciamento do Estrelas com cartões de agradecimento automatizados e outras ferramentas no Creator Studio. Os criadores nesses mercados podem manifestar interesse e começar aqui;

Gere receita com mais conteúdo em vídeo: os anúncios in-stream continuam evoluindo no Facebook, permitindo que mais tipos de vídeos gerem receita com anúncios, saiba mais clicando aqui;

Anúncios em vídeo de formato curto: agora, os criadores podem gerar receita com vídeos de 60 a 180 segundos com anúncios gráficos e pós-roll. Apesar do Facebook continuar a investir em conteúdo de formato longo, a plataforma acredita que o conteúdo mais curto também pode criar lealdade e intenção, por isso estão testando esses dois formatos de anúncio ininterruptos ao envolver vídeos curtos;

Anúncios para vídeo ao vivo: o plataforma desenvolveu formatos de anúncio para vídeo ao vivo, incluindo um novo tipo de anúncio intermediário que é reproduzido no player de vídeo principal durante a transmissão ao vivo enquanto a transmissão continua sendo reproduzida em uma janela menor. Agora, os vídeos selecionados que estavam ao vivo agora também estão qualificados para monetização.

Novas experiências com anúncios: o Facebook diz que está trabalhando para aumentar os pagamentos gerais para criadores de vídeo no Watch. Por exemplo, quando as pessoas começam a assistir a vídeos no Feed de notícias, a ferramenta está tentando a opção de continuar assistindo no Watch depois de exibir um anúncio curto.

Novas maneiras de ganhar dinheiro: para ajudar os criadores de conteúdo a disponibilizar on-line seus eventos, experiências e serviços e ampliar seu alcance além do local físico, o Facebook está possibilitando a criação, promoção, hospedagem e monetização de eventos ao vivo no Facebook. A plataforma começou a convidar o Pages para seu produto de eventos on-line pagos e compartilhará mais novidades ao longo das próximas semanas, saiba mais detalhes aqui.

Recentemente, o Instagram também anunciou o início dos testes de monetização para o IGTV e Stories, confira aqui.

Fim do Facebook Lasso

O Facebook anunciou ontem (2) o fim do aplicativo de vídeos curtos "Lasso" criado em 2018 como uma alternativa à popularidade crescente do TikTok.

Com o anúncio, a estratégia utilizada com o aplicativo Snapchat não se mostrou promissora e a plataforma deve investir no novo "Reels" do Instagram, saiba mais aqui.

Se você ainda utiliza o Lasso e possui conteúdos disponíveis na plataforma, o Facebook vai dar até o próximo dia 10 de julho para salvar seus vídeos.

De acordo com um relatório divulgado pela empresa de pesquisas App Annie, o Lasso possuía menos de 80 mil usuários ativos no Android em 11 países — sendo o México seu maior mercado.

1 Comentário

  • Link do comentário Eloá Sexta, 17 Julho 2020 21:44 postado por Eloá

    VEJA AGORA O ÚNICO TREINAMENTO QUE VAI TE ENSINAR A GANHAR DINHEIRO COM PÁGINA MONETIZADA NO FACEBOOK!

    Acesse esse Link: https://hotm.art/pagmonetizada2020

    Sem investir em anúncios, blogs, sites, sem vender nada! Apenas postando vídeos na sua página do Facebook!!!
    Beijão! Aproveite

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.