Quinta, 12 Março 2020 21:59

Coronavírus: shows e eventos são adiados ou cancelados; medidas buscam redução de danos Destaque

Escrito por Redação Mundo da Música
Avalie este item
(0 votos)
Jota Quest emitiu o comunicado do adiamento da a sua Eurotour por causa do novo Coronavírus Jota Quest emitiu o comunicado do adiamento da a sua Eurotour por causa do novo Coronavírus Divulgação

À medida que o COVID-19, doença respiratória causada pelo novo Coronavírus, continua a espalhar e despertar preocupações crescentes em todo o mundo, a indústria da música está tomando medidas preventivas - adiando ou cancelando turnês, concertos, grandes festivais e eventos de música - para ajudar a conter infecções em potencial enquanto comunicam as decisões aos fãs e participantes.

Hoje (12) a turnê internacional da banda Jota Quest além do evento do WME Conference emitiram comunicados de adiamento.

A turnês do Jota Quest passaria por 8 grandes cidades, em 7 países diferentes do continente europeu, circulando por aeroportos, estradas e ferrovias com equipe de mais de 20 integrantes. Estavam no roteiro as cidades de Paris, Londres, Amsterdã, Dublin, Madri, Barcelona, Torino e Lisboa. A banda tinha shows previstos entre os dias 19 a 29 de março.

 

Ver essa foto no Instagram

... NOTA DE ADIAMENTO: . “Jota Quest - Euro Tour 2020” . >> Queridos amigos da EUROPA, é com enorme pesar que comunicamos aqui adiamento de TODOS os shows de nossa sonhada #EuroTour2020, que ocorreria agora, nas próximas duas semanas, entre os dias 19 a 29 de março, em decorrência da crescente escalada da pandemia de novo Corona Vírus, Covid-19, e seus desdobramentos. . >> Nem nós da banda @jotaquest, nem nossos queridos parceiros/produtores de realização destes shows, em cada uma das cidades, poderíamos imaginar estar vivendo tal situação, e estamos realmente muito tristes e frustrados com este adiamento. . >> Nos últimos dias, diversas medidas de segurança estão sendo adotadas pelos países por onde passaríamos para conter o avanço da contaminação do vírus, incluindo a proibição de realização de eventos públicos, bem como a não circulação de pessoas entre os países. . >> Nossa turnê passaria por 8 grandes cidades, em 7 países diferentes do continente europeu, circulando por aeroportos, estradas e ferrovias com equipe de mais de 20 integrantes. . >> Contamos com a compreensão e esperamos, sinceramente, poder estar com vocês o mais breve possível pra enfi m realizarmos juntos este grande sonho. . >> Um grande abraço a todos e até breve!! ?❤️ . #JotaQuest #EuroTour2020 #diasqñdeixaremosptras

Uma publicação compartilhada por Jota Quest (@jotaquest) em

 

O WME Conference emitu um comunicado em suas redes afirmando: "Em respeito ao nosso público, à saúde das artistas e demais profissionais, decidimos adiar a WME Conference 2020. Em breve divulgaremos novas datas".

A conferência aconteceria nos dias 27, 28 e 29 de março, no Centro Cultural de São Paulo.

Foto: Comunicado adiamento do WME Conference realizado nas Redes Sociais no dia 12 de março de 2020 | Créditos: Divulgação

 

Até o fechamento desta matéria, o Lollapalooza Brasil não emitiu um comunicado oficial sobre o adiamento ou cancelamento do festival, previsto para os dias 3, 4 e 5 de abril.

 

Em 11 de março, a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou o COVID-19 como "pandemia".

A indústria de entretenimento ao vivo da Austrália pediu ao governo que reserve os fundos necessários para o cancelamento de concertos e festivais.

O governo federal do país prometeu um estímulo econômico de US$ 10 bilhões como parte de sua resposta ao impacto da doença, que infectou mais de 100 australianos, com três mortes relatadas.

A CEO da Live Performance Australia (LPA), Evelyn Richardson, escreveu ao Ministro das Artes Paul Fletcher para pedir ao governo que prepare fundos para a indústria e suas dezenas de milhares de funcionários para combater a perda de renda, empregos e investimentos causados ​ pela crise da saúde.

"O desempenho ao vivo é um grande impulsionador da nossa economia de visitantes nas áreas metropolitanas e regionais; portanto, deve estar na frente e no centro de qualquer pacote governamental para lidar com os custos econômicos do surto de coronavírus", disse Richardson.

Segundo o órgão comercial, a indústria de performance ao vivo contribui com mais de US$ 2,5 bilhões anualmente para a economia nacional e emprega mais de 34.000 funcionários.

O preço das ações da Live Nation, uma das maiores empresas de shows ao vivo, terminou ontem (11) na Bolsa de Nova York com queda de 16,58%, com informações da MBW.

 

 

Isso significa que, de acordo com os dados do Google Finance e os cálculos de MBW, a Live Nation viu US$ 1,8 bilhão sair do seu valor de mercado nas últimas 48 horas - até uma avaliação de final de negociação ontem de US$ 9,01 bilhões.

Na semana passada - do fechamento das negociações na quarta-feira, 4 de março até ontem (11) -, o preço das ações da Live Nation caiu 29,7% (de US$ 59,77 para US$ 42,01), representando uma queda no valor de mercado de US$ 3,8 bilhões.

O mercado musical, aos poucos, vai entendendo o momento de crise e buscando alternativas para prevenir o público envolvido.

O momento que se ampara de informações com fontes seguras e técnicas, pede à população o seguimento das regras de segurança e medidas preventivas.

Com informação, serão evitados pânicos e diminuição dos casos.

 

Quais são as medidas de prevenção ao Covid-19?


O Ministério da Saúde explica que não há medicamento, substância, vitamina, alimento específico ou vacina que possa prevenir a infecção pelo novo coronavírus e indica as seguintes medidas de prevenção, com informações da Agência Brasil:

- Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, ou usar desinfetante para as mãos à base de álcool quando a primeira opção não for possível;
- Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
- Evitar contato próximo com pessoas doentes;
- Ficar em casa quando estiver doente;
- Usar um lenço de papel para cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar, e descartá-lo no lixo após o uso;
- Não compartilhar copos, talheres e objetos de uso pessoal;
- Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência;
- Manter ambientes bem ventilados e higienizar as mãos após tossir ou espirrar.

Última modificação em Sexta, 13 Março 2020 00:57

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.